Ceará terá condições diferenciadas em estrutura de energia

As perspectivas do Ceará na área de energia são promissoras. Com o resultado do Leilão Nacional de Transmissão de Energia, no dia 28 de junho, que envolve investimentos estimados de R$ 6 bilhões (dos quais R$ 1,3 bilhão no Ceará e no Rio Grande do Norte), um novo ambiente está sendo desenvolvido.

O coordenador do Núcleo de Energia da Fiec, Joaquim Rolim, acredita que o Ceará passará a ser um dos estados com melhores condições estruturais. Os projetos contratados, segundo ele, permitem a concretização de novos empreendimentos eólicos e solares em várias regiões (Aracati, Icapuí, Jaguaruna, Quixeré, Russas e Região Metropolitana de Fortaleza).

Conforme havia sido dito na coluna do último dia 30, existem várias ações em curso pelo governo do Estado, como os incentivos fiscais, a modernização do licenciamento ambiental e a realização de um Atlas Eólico e Solar.

Esse trabalho, somado a projetos de alto impacto das Rotas Estratégicas da Fiec, na visão de Rolim, permitirão aos empreendedores participarem dos leilões federais de energia com mais possibilidades de sucesso.

Diante disso, se desenha um novo mapa de produção de energia no estado.

Novo mapa do Estado

POTENCIAIS DE ENERGIA

A Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), juntamente com o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o Sindienergia e outras entidades, traça o potencial do Mapa Eletro-Geográfico do Ceará.

A expectativa é de que os novos projetos eólicos e solares possam ter as condições adequadas para serem executados em prazos inferiores aos contratados.

Joaquim Rolim ressalta que foi encaminhada pela Empresa de Pesquisa Energética do Ministério de Minas e Energia (EPE) a solução para a ampliação do atendimento à região Sul do estado. Nessa área, a Subestação Milagres requer ampliação de capacidade para novos projetos de energias renováveis.

“Existe uma proposta de ampliar as possibilidades de desenvolvimento para a região de Tauá, com a disponibilização de linhas de transmissão para aproveitamento do enorme potencial de geração de energia solar no eixo Tauá-Sobral”, acrescenta.

Placas

PORTO DO PECÉM DOBRA A MOVIMENTAÇÃO

Dobrou a movimentação de placas de aço através do Porto do Pecém no mês de junho. O volume embarcado superou em 110% a média apresentada no mesmo período em 2017. Foram exportadas 215.282 toneladas do produto.

Enel X

EFICIÊNCIA E MODERNIZAÇÃO NA OI

A Enel X (companhia do Grupo Enel da área de soluções em energia) concluiu pacote de eficiência e modernização de 57 prédios da Oi no Rio de Janeiro e no Ceará. Foram substituídos 62 mil pontos de iluminação por lâmpadas de LED. É calculada uma redução de 56,5% no consumo de energia nos prédios.

Clínica SIM

AMPLIAÇÃO: 15 UNIDADES NO NORDESTE

O time de investidores da Clínica SIM comemora o aporte de recursos da Monashees e Temasek, fundos de capital de risco internacionais, com um projeto de ampliação no Nordeste. A meta é chegar a 15 unidades na região, com expansões em Pernambuco e no Ceará. O grupo já abriu seleção para os setores administrativo e de saúde.

Air France-KLM

PROGRAMA DE FIDELIDADE

A Air France-KLM renovou seu programa de fidelidade. No Brasil haverá uma versão em português para os brasileiros. O novo modelo inclui uma conta em euros gastos nos bilhetes para o acúmulo de milhas.

Sertão Central

CONSTRUÇÃO DE CINCO GALPÕES INDUSTRIAIS

Empresas do setor calçadista serão beneficiadas pelo governo do Estado com a liberação de galpões com mil metros quadrados para a instalação de projetos. Prefeitos e representantes de Madalena, Banabuiú, Pedra Branca, Boa Viagem e Piquet Carneiro assinaram um memorando com a Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece) para viabilizar os contratos.

FONTE – opovo.com.br

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *