Empresa desenvolve telhas cerâmicas integradas com placas solares

WhatsApp Image 2019-02-18 at 09.19.32As placas solares que aproveitam o sol com o intento de gerar energia elétrica estão, a cada dia, mais populares. Além da questão da sustentabilidade, ainda é possível economizar alguns reais na conta de luz. No entanto, há um tempo, surgiram as telhas cerâmicas integradas com placas solares que adicionam um toque estético aos telhados.

Uma empresa de origem holandesa, a ZEP B.V., lançou uma alternativa mais “bonita” que os velhos painéis pretos. A telha solar se parece bastante com as telhas comuns, regulares.

Telhas cerâmicas que convertem a energia solar de forma eficiente e esteticamente interessante

O painel solar tem a cor azul escura ou preta, pois precisa absorver luz do sol em grande quantidade. É isso o que fará com que se gere uma boa parte de energia.

Em certos lugares, esse painel é proibido justamente pelo tom escuro que possui. Por exemplo, na Dinamarca a maioria dos telhados das casas é vermelha. Para garantir a preservação estética, os donos das residências não podem instalar nenhum painel solar.

Assim como na Dinamarca, diversos edifícios de origem histórica espalhados pelo mundo passam pela mesma situação.

A ZEP B.V., partindo do princípio deste problema, desenvolveu as telhas cerâmicas integradas com placas solares, que nada mais são do que telhas com algumas células solares.

Ao invés de fazer a instalação de painéis nas telhas que já existe, a empresa oferece a integração com esse outro tipo de telha.

Essas telhas têm o tamanho de aproximadamente 487 mm x 296 mm, incorporando células solares mono-cristalinas com 156 mm x 156 mm. Sua eficiência chega a 18,4%. Se comparada com a eficácia do painel solar padrão preto – que tem cerca de 20% – é uma solução bastante razoável.

Além disso, a telha solar integrada com o painel da ZEP B.V. oferece vantagens adicionais. Um exemplo é a solução em termos de espaços para o problema em telhados com obstáculos (chaminés).

FONTE – criativetech.com

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *