Energia solar derruba conta de luz do SC Ivoti de R$ 8 mil para R$ 128

Imagem feita com drone mostra duas das estruturas montadas no SC Ivot (Foto: Divulgação/André Heck)

Começam a aparecer os primeiros resultados da economia de energia proporcionada pela instalação de 274 placas de energia solar na sede do Sport Club Ivoti, e eles são bastante animadores. Entre as inovações, o Estádio dos Eucaliptos, casa da equipe, é o primeiro do Rio Grande do Sul com uma arquibancada coberta com energia solar.

A conta de luz do local com vencimento em dezembro chegou a R$ 8,2 mil. No mês seguinte, já com o novo sistema, caiu para R$ 429, e, em janeiro, mais ainda, para R$ 128. Ou seja, em dois meses, o valor pago reduziu mais de 98%. Já o consumo, que era, na média, de 9,5 mil kWh (quilowatts-hora) até novembro, em dezembro foi de 2,9 mil e em janeiro, 2,3 mil kWh.

 “A necessidade de baixar a conta, aliado à preocupação da diretoria de gerar energia a partir de uma fonte limpa”, afirma o tesoureiro do clube, Luis Carlos Heck.

O clube, então, fez uma tomada de preços em abril do ano passado. Duas empresas se habilitaram: uma de Ivoti e a Energias da Natureza, de Presidente Lucena, que ofereceu o valor mais baixo e venceu a disputa. Para executar a obra, que foi finalizada em novembro de 2018, o Leão do Vale fez um financiamento junto ao Sicredi, que ofereceu uma linha de crédito diferenciada.

O projeto teve o custo total de R$ 396 mil, sendo R$ 311 mil das placas. Além destas, também foram instalados geradores, medidores e todo o cabeamento.

Por enquanto, as parcelas do financiamento cobrem mensalmente o que foi economizado em energia elétrica. Daqui a cinco anos, porém, quando o valor for finalmente quitado, o montante a ser pago será somente o da conta de luz.

Ainda segundo Luis Carlos, há outra vantagem, especialmente neste período do ano, em que a incidência do sol é maior, devido ao verão, mas o consumo diminui, em função do recesso. “Desde a ativação do sistema, em 20 de novembro, a situação atual já gerou um saldo de energia de instalação de 10,5 mil kWh, que poderão ser compensados em meses de menor produção de energia solar” , revela o tesoureiro.

“Sabemos o quanto ele será benéfico para o Sport Club Ivoti, e já está gerando resultados positivos. Também queremos parabenizar a toda a diretoria por ter feito este projeto inovador, que inclusive sabemos que virou case de sucesso na região e vai gerar impacto para muitos empreendedores”, afirma o diretor de negócios da Sicredi Pioneira, Luiz Cesar Wazlawick.

FONTE – jornal.odiario.net

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *