Painel solar de silício negro começa a ser produzido em escala industrial

Em breve, a tendência dos painéis solares azuis será revolucionada por novos painéis que estão sendo desenvolvidos na Universidade de Aalto, na Finlândia. Os pesquisadores batizaram os painéis solares pretos de célula solar buraco negro. Os primeiros painéis solares de silício negro já estão em funcionamento.

A cor preta não veio para alterar somente a estética dos painéis solares, acontece que o preto vem de nanoestruturas construídas sobre o silício, que impedem que a luz escape. Ou seja, com uma reflexão de luz que incide sobre os painéis solares menor a 1%, ainda garante uma eficiência de aproximadamente 22% na conversão da luz solar em energia. Isso supera os painéis solares com silício tradicional.

Essa nova tecnologia conta com este material de grande potencial, o silício negro tem aplicações que vão da spintrônica aos mantos de invisibilidade termais. Os painéis solares de silício negro não são mais apenas pesquisas de laboratório, pois os primeiros protótipos estão sendo fabricados em uma linha de produção industrial, o que faz com que estejam cada vez mais próximos da comercialização.

A produção em escala industrial está sendo um desafio para os responsáveis, segundo eles, pois a preocupação era que a estrutura frágil não aguentasse a produção em massa que passa por várias fases, algumas consideradas até mesmo críticas para o painel, como, por exemplo, a laminação dos módulos e o manuseio por robôs.

Os painéis solares de silício negro são criados através de uma superfície opticamente perfeita. A técnica consiste em criar nanoagulhas no silício que eliminam a necessidade de colocar qualquer revestimento antirreflexo. A fabricação das nanoestruturas é de alto custo, porém existem menos etapas no processo da produção dos painéis solares, além disso, o desempenho do produto final é excelente! Com isso, os custos compensam.

Ao realizar uma precisa análise no laboratório, foi constatado que os painéis solares negros têm uma eficiência de produção de energia solar acima dos 20%, o que é surpreendentemente bom! Espera-se que os painéis solares de silício negro, quando entrarem no mercado, sejam comercializados a preços atrativos e competitivos em relação aos painéis solares tradicionais.

Muitas inovações estão sendo desenvolvidas no setor da energia solar por todo o mundo. Na Holanda, por exemplo, uma empresa criou telhados que captam a energia solar. No Reino Unido, pesquisadores da Universidade de Cambridge criaram um painel solar de algas que produz 5 vezes mais energia, mesmo durante a noite!  Com o avanço da energia solar, surgem diversas criações de novos modelos de painel solar e placa solar, cada vez mais eficientes e modernos.

Conheça mais sobre a energia solar em nosso site! No Portal Solar, você encontra tudo sobre as vantagens dessa fonte de energia sustentável, bem como curiosidades, informações e tudo que está acontecendo no setor. Veja quais são os 10 maiores fabricantes de painel solar do mundo! Se ficou interessado em gerar sua própria energia, solicite um financiamento para energia solar e te ajudaremos a encontrar as melhores empresas fornecedoras de sistemas solares para sua empresa ou residência.

FONTE – portalsolar.com.br

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *